Grêmio perde para o Flamengo e fica a um ponto do Z-4

A sequência de foco exclusivo do Grêmio no Brasileirão começou com uma derrota. No Maracanã, apesar de um bom início, o Tricolor acabou perdendo por 2 a 1 para o Flamengo na noite desta quinta-feira (13). O time de Renato Portaluppi teve momentos promissores, mas não conseguiu reagir quando o adversário se impôs. Com apenas seis pontos em seis jogos, o Grêmio termina a rodada ameaçado pelo Z-4, estando a apenas um ponto da zona de rebaixamento.

A estratégia de Renato de rodar o grupo se confirmou no retorno do Grêmio ao Brasileirão, após os últimos dias dedicados à Libertadores. Rafael Cabral voltou a ser titular no gol, com Galdino atuando pelo lado esquerdo no lugar de Soteldo. A mudança mais significativa foi a oportunidade dada a João Pedro Galvão na vaga de Diego Costa, que está lesionado.


No confronto no Maracanã pelo Brasileirão do ano passado, o Grêmio fez uma excelente apresentação, mas o Flamengo saiu na frente no placar. Desde o início da partida, a pressão na saída de bola rendeu frutos ao Tricolor. A estratégia de Renato de explorar ofensivamente as combinações pelo lado do campo também mostrou acerto.

Nos primeiros cinco minutos, o Grêmio teve boas oportunidades pelo lado direito. Após uma jogada do centroavante, Pavon chutou por cima do gol. A primeira intervenção de um goleiro foi de Rafael Cabral, que defendeu um cabeceio de Léo Ortiz. Mais tarde, João Pedro tentou encobrir o goleiro, mas a bola foi tirada quase em cima da linha por Fabricio Bruno.

O Flamengo perdeu Cebolinha e Igor Jesus por lesão na primeira meia hora de jogo. Bruno Henrique e Luiz Araújo entraram e mudaram a história do primeiro tempo. Luiz Araújo acertou a trave em um chute de fora da área antes de marcar o gol aos 41 minutos.

Satisfeito com a produção do time, Renato manteve a mesma formação para o segundo tempo. O Flamengo teve um pênalti marcado a seu favor, mas foi anulado após revisão no VAR. Bruno Henrique recebeu cartão amarelo pela simulação. Renato fez uma substituição e David Luiz acertou o travessão depois de um escanteio.


Uma escapada pela direita de Dodi rendeu uma oportunidade de JP Galvão cabecear. Só que o centroavante pegou fraco na bola e Rossi defendeu sem dificuldades. Pedro respondeu após falha da defesa do Grêmio. O centroavante do Flamengo teve a bola na pequena área e chutou por cima do gol do Grêmio. O que faltou de caprinho para o camisa 9 da equipe carioca, sobrou novamente para Luiz Araújo. O atacante foi acionado no lado da área e mandou um chute preciso, no cantinho de Rafael Cabral. 

Renato mandou Carballo, Edenilson e Fabio a campo nos lugares de Pepê, Galdino e João Pedro. O Flamengo seguiu melhor, com chances perigosas na combinação entre o trio Gerson, Pedro e Luiz Araújo. Nathan Pescador foi a campo nos minutos finais, no lugar de João Pedro Galvão. O centroavante da equipe carioca só não transformou a vitória em goleada por grande defesa de Rafael Cabral nos minutos finais. Nos acréscimos, Kannemann desviou escanteio e Edenilson apareceu para descontar. Mas não foi o suficiente para mudar o resultado final. O Grêmio segue no Rio de Janeiro para os próximos dias como base. O próximo compromisso é neste domingo (16), no Espiríto Santo, contra o Botafogo.


Brasileirão — 8ª rodada — 13/6/2024


Flamengo (2)
Rossi; Wesley, Fabrício Bruno, David Luiz e Léo Pereira; Léo Ortiz (Victor Hugo, 37’/2ºT), Igor Jesus (Luiz Araújo, 29’/1ºT) e Lorran (Evertton Araújo, 37’/2ºT); Gerson, Everton Cebolinha (Bruno Henrique, 24’/1ºT) e Pedro. Técnico: Tite


Grêmio (1)
Rafael Cabral; João Pedro (Fabio, 30’/2ºT), Rodrigo Ely, Kannemann e Reinaldo; Pepê (Carballo, 30’/2ºT), Dodi, Pavon (Nathan Fernandes, 12’/2ºT), Cristaldo e Galdino (Edenilson, 30’/2ºT); João Pedro Galvão (Nathan, 37’/2ºT). Técnico: Renato Portaluppi


GOLS: Luiz Araújo aos 41min do 1º tempo; Luiz Araújo (F), aos 22min, e Edenilson (G) aos 50min do 2º tempo
CARTÕES AMARELOS: Pedro, Wesley (F); João Pedro, Galdino, Carballo e Kannemann (G)
ARBITRAGEM: Luiz Flávio de Oliveira (SP), auxiliado por Daniel Paulo Ziolli (SP) e Luiz Alberto Andrini Nogueira (SP). VAR: Igor Junio Benevenuto de Oliveira (Fifa-MG)
PÚBLICO: 51.785
RENDA: R$ 2.744.9638,00
LOCAL: Estádio Maracanã, no Rio de Janeiro

Todos os Direitos Reservados Rádio Cachoeira
Desenvolvido por Rafael Bordignon
Hospedado por Three Tecnologia

Logo Cachoeira

Compartilhe

×